Regulamento da Meia Maratona de Guimarães

1) Organização

A Câmara Municipal de Guimarães em colaboração a Tempo Livre, a APCG – Associação de Paralisia Cerebral de Guimarães, o Vitória Sport Clube e a Associação de Atletismo de Braga, organizará no dia 25 de setembro de 2022 a Meia Maratona Cidade Berço que integra ainda a Mini Maratona do Centenário do Vitória SC (10km) e a Caminhada APCG – Pessoas Diferentes, Direitos Iguais (5km).

2) Provas

Serão três as provas integradas neste evento:
● Meia-maratona (21km);
● Mini-maratona (10km);
● Caminhada (5km).
● Percurso em cadeira de rodas.

3) Horários

10:00 – Partida da Meia-maratona
10:00 – Partida da Mini-maratona
10:15 – Partida da Caminhada
11:30 – Percurso em cadeira de rodas
12:00 – Entrega de Prémios

4) Percursos

Todas as provas terão partida no Castelo de Guimarães e chegada nas imediações do Estádio D. Afonso Henriques.

5) Inscrições

As inscrições são realizadas online no website: www.meiamaratonaguimaraes.pt:
Meia-maratona:
● Até 19 de setembro – 12,50€ I A parir de 20 de setembro – 15,00€
Mini-maratona:
● Até 19 de setembro – 10,00€ I A parir de 20 de setembro – 12,50€
Caminhada:
● 5,00€

Nota: os atletas filiados em clubes de Guimarães têm uma taxa de inscrição diferenciada:
7,50€ - Mini Maratona e 10€ - Meia Maratona

6) Kit de participante

Todos os participantes terão direito a um kit de participante composto por uma t-shirt e alguns brindes que serão entregues em local e horário a anunciar posteriormente.

7) Classificações

A caminhada não tem classificações. A meia-maratona e a mini-maratona terão classificações por género e escalão, sendo cronometradas com sistema de chips eletrónicos, da responsabilidade da Associação de Atletismo de Braga. Assim, todos os atletas devem utilizar corretamente o seu dorsal, não danificando o chip integrado no seu verso.
A organização não se responsabiliza pela falha da apresentação de resultados resultante da má colocação do chip.
A organização desclassificará todos os atletas que efetuem a prova com: 1. Mais do que um chip; 2. Um chip de outro atleta; 3. Não passem em algum posto intermédio de controlo; 4. Incorram em alguma das infrações previstas neste regulamento.
Os resultados podem ser consultados online na plataforma FPA Competições: https://fpacompeticoes.pt/2/associacao

8) Escalões e Troféus

Na Meia-maratona e na Mini-maratona serão atribuídos troféus aos primeiros 3 classificados dos seguintes escalões:
● Seniores M/F (atletas nascidos em 2002 e anteriores com menos de 40 anos);
● Veteranos I M/F (atletas entre os 40 e os 49 anos de idade);
● Veteranos II M/F (atletas entre os 50 e os 59 anos de idade);
● Veteranos III M/F (atletas com 60 ou mais anos de idade);

9) Prémios Monetários:

Meia-maratona

Geral Individual (Masculina e Feminina)

500 €
400 €
300 €
200 €
100 €

Mini-maratona

Geral Individual (Masculina e Feminina)

250 €
200 €
150 €
100 €
50 €

Coletiva

Classificação coletiva Meia-maratona

600 €
480 €
360 €
300 €
240 €
180 €
150 €
120 €
90 €
10º 60 €
10) Classificações Coletivas

Será apurada uma classificação coletiva na Meia-maratona, sendo elaborada com base na soma dos tempos dos primeiros 6 classificados de cada equipa (independentemente do escalão e género), vencendo a equipa que somar o menor tempo total. Em caso de empate, decide-se a favor da equipa que tiver o melhor 6º elemento classificado.

11) Júri

O júri da prova é da responsabilidade do Conselho de Arbitragem da Associação de Atletismo de Braga. Sendo consideradas infrações que podem levar à desclassificação as seguintes situações:
● Não efetuem o controlo de partida;
● Não cumpram o percurso na sua totalidade;
● Não levem o dorsal ao peito e bem visível durante a prova;
● Falsifiquem qualquer elemento relativo à sua inscrição;
● Corram com o dorsal de forma incorreta;
● Não respeitem as instruções da organização;
● Corram por cima dos passeios, quando não autorizados pela organização;

12) Seguro

A organização da competição fará um seguro desportivo nominal a todos os participantes de acordo com o regime jurídico de seguros desportivos obrigatórios – decreto lei nº10/2009.
Em caso de sinistro o atleta deverá contactar a organização do evento para que esta diligencie o encaminhamento para a seguradora. Para dar início a um processo é necessário que o atleta seja atendido pela equipa que faz o acompanhamento médico durante o evento, sem prejuízo do atleta ser mais tarde encaminhado para outra unidade de emergência médica.
É reservada à seguradora a averiguação dos factos apresentados e respetiva atuação em conformidade no diferimento ou não do pedido de ativação do seguro.

13) Direitos de imagem

O participante, ao proceder à inscrição nesta competição, autoriza a cedência, de forma gratuita e incondicional, dos direitos de utilização da sua imagem captada em fotografias/imagens que terão lugar durante o evento, autorizando a sua reprodução em peças comunicacionais da competição.

14) Casos omissos

Serão resolvidos de acordo com o Manual Técnico da WA, Regulamento Geral de Competições e Regulamento Geral de Competições para Jovens da FPA.

Para aceder à sua inscrição

Redes Sociais